Notícias

Arte e dança para assinalar o Dia Mundial da Doença de Parkinson em evento com entrada livre

09 abril, 2018

“De mãos dadas pela Doença de Parkinson” é o mote da parceria entre a APDPk e a BIAL para assinalar o Dia Mundial da doença em Portugal – 11 de abril

A ação de sensibilização e consciencialização para a Doença de Parkinson é de entrada livre e arranca com uma aula da dança com cerca de 20 pessoas que vivem com Parkinson.

A aula, conduzida pelo formador e coreógrafo Rafael Alvarez, decorre pelas 15h no Palácio Baldaya, em Lisboa, e visa ainda sensibilizar para os constrangimentos que esta doença impõe aos portadores. "Dançar com Pk" é um projeto inovador, inspirado na metodologia desenvolvida pela companhia de dança americana Mark Morris Dance Company/Brooklyn Parkinson Group, projeto Dance for PD® e que tem demonstrado ser eficaz no apoio a portadores da doença.

Após a aula, será inaugurada uma exposição de arte com cerca de 30 trabalhos realizados por 18 doentes com Parkinson que vão desde a poesia à pintura, da escultura à fotografia, entre outros. A exposição é de entrada livre e ficará em exibição no Palácio Baldaya, em Lisboa, até ao final do mês de abril.

Ana Botas, Presidente da APDPk, explica que “o exercício físico é essencial para os doentes de Parkinson, e neste sentido a dança é uma das atividades que mais se adequa, porque estimula os músculos, mas também a criatividade, a autonomia, a memória e o domínio corporal. Com esta aula de dança e com a exposição de trabalhos realizados por pessoas com Parkinson pretendemos sensibilizar todas as pessoas para esta doença e ao mesmo tempo proporcionar momentos de socialização e bem-estar”.

Consulte alguns dos trabalhos que estarão expostos:

 

 

Saiba mais sobre a Doença de Parkinson, uma doença neurodegenerativa, crónica e progressiva que afeta mais de 20 mil pessoas em Portugal.