O nosso website utiliza cookies. Ao utilizar este website está a confirmar que não se opõe. Ler mais

Qualidade, Saúde, Segurança e Ambiente

Política da Qualidade, Saúde, Segurança e Ambiente

A satisfação das necessidades terapêuticas dos pacientes, a satisfação dos profissionais de saúde, dos nossos clientes, colaboradores e acionistas é um dos valores da cultura BIAL. E todos trabalhamos para essa finalidade, sob o lema, “ao serviço da sua Saúde”.

Entendemos a Qualidade como uma responsabilidade de todos. A sua melhoria deverá ser constantemente procurada e trabalhada, assumindo-se como determinante para o atingimento dos nossos objetivos.

A Saúde, a Segurança e o Ambiente são parte integrante dos nossos compromissos. As estratégias e os esforços de desenvolvimento e de otimização dos nossos processos, produtos e serviços, têm em atenção o respeito pelo Meio Envolvente e por todos os que nele vivem.

A realização destes compromissos deverá ser assegurada, em todas as áreas da Empresa, através dos seguintes princípios:

• Garantir a qualidade e segurança dos medicamentos fabricados, em harmonia com a saúde, a segurança dos colaboradores e com o ambiente;

• Observar o estrito cumprimento dos requisitos regulamentares, técnicos e normativos aplicáveis à nossa atividade, ou outros que a Empresa subscreva;

• Estimular o aperfeiçoamento e desenvolvimento das competências dos colaboradores, reconhecendo as suas contribuições como forma de crescimento profissional, satisfação no trabalho e comprometimento com a qualidade, a saúde, a segurança e o ambiente, de modo a manter uma organização que valorize a iniciativa, o trabalho de equipa e a partilha de conhecimentos;

• Exigir aos fornecedores o cumprimento rigoroso das especificações e requisitos dos diferentes materiais, produtos e serviços, assim como uma atuação responsável no respeito pela saúde, a segurança e o ambiente, estimulando a sua participação na melhoria dos seus processos, produtos e serviços;

• Melhorar continuamente o desempenho do sistema de forma a merecermos a aceitação da comunidade de Saúde, das entidades reguladoras e da sociedade em geral.